São CamiloVocação
 
 
 
 

Como o carisma camiliano ajuda os profissionais da saúde em seu trabalho

21.12.2020 | 5 minutos de leitura
Saúde
Como o carisma camiliano ajuda os profissionais da saúde em seu trabalho

Não há dúvidas de que o trabalho dos profissionais da saúde é um dos mais importantes, principalmente nos dias atuais. É o serviço de cuidar, zelar e tratar do dom mais precioso que temos: o da vida.

Sabemos que o profissional da saúde tem que lidar com inúmeras situações adversas em seu trabalho e, nem sempre, a relação com os pacientes é uma tarefa fácil. Por essa razão, é importante entender a sua profissão não como um simples trabalho, mas como um chamado para algo muito maior.

Uma forma de ajudar nesse entendimento é por meio do carisma camiliano, um jeito de viver e se relacionar com o mundo que tem muito a ensinar sobre a relação de um profissional da saúde com as outras pessoas, principalmente os enfermos.

Vamos, então, entender de que maneira o carisma camiliano ajuda os profissionais da saúde em seu trabalho?

#Olhar com amor

Os Camilianos têm como carisma a misericórdia e o amor pela pessoa do enfermo e a sua atuação é majoritariamente no ambiente hospitalar. Contudo, para chegar ainda mais longe, nós contamos com a Pastoral da Saúde.

A atuação na área da saúde requer, antes de tudo, amor. Amor pelo próximo, por si mesmo, pela profissão e pela vida. Sem amor, é muito difícil sobreviver nesse ambiente de trabalho.

Desta forma, o carisma camiliano é muito importante, pois ajuda os profissionais da saúde a olharem com amor para seus pacientes. E, amar não é falar palavras bonitas, tratar somente com sorrisos, acalentar. Amar diz respeito a tratar com humanidade, com a dignidade devida a cada pessoa, é buscar salvar a vida de quem quer que seja.

Uma frase que resume muito bem o cuidado com que os profissionais da saúde devem olhar para o próximo é a seguinte: 

“Em primeiro lugar, cada qual peça a Deus que lhe dê um afeto materno para com o próximo, a fim de poder servi-lo com todo amor, tanto de alma quanto de corpo, pois, com a graça de Deus, desejamos servir todos os doentes com o mesmo carinho que uma extremosa mãe dedica ao seu filho doente” (São Camilo).

São Camilo encorajava seus irmãos a cuidarem dos doentes da mesma forma como uma mãe cuidaria de seu único filho enfermo. Ou seja, ele ensinava a ter um amor incondicional, um amor materno pelos enfermos, tomando todos os cuidados necessários para lhes aliviar o sofrimento.

Em uma sociedade que se preocupa tanto com a produtividade e o lucro, e olha para os seres humanos como meros números, o carisma de São Camilo ensina a tratar com zelo, mesmo os desconhecidos, e aqueles que não mereceriam nosso amor.

#Ser como o Bom Samaritano

O carisma camiliano também pode ajudar ensinando os profissionais da saúde a serem como o Bom Samaritano (Lc 10, 30-35). Nesta parábola, que é um dos fundamentos bíblicos de nosso carisma, Jesus nos dá o exemplo do que é o verdadeiro amor.

Trata-se de um viajante que é assaltado e deixado na beira da estrada, quase morto. Com certeza, se ninguém o ajudasse, ele morreria. Passam por ele então, um sacerdote e um levita, duas pessoas que deveriam ser exemplo de caridade, mas que nada fizeram para ajudar. Nem sequer olharam para o homem que estava caído.

Eis que surge um samaritano, alguém que, na época, era excluído da sociedade judaica. Mas, é esse samaritano que acolhe o enfermo, o coloca sobre sua própria montaria e cuida dele, estendendo a mão a um completo desconhecido.

Essa história quer nos ensinar que o verdadeiro amor não faz distinção de pessoas, religião, costumes, estilo de vida. É com esse olhar que os profissionais da saúde devem olhar para os pacientes que estão tratando. Muitas vezes, não se sabe de onde veio o paciente, não se conhece a história de vida, não se sabe a religião da pessoa, se é que ela professa alguma religião, não se sabe quase nada. O que se sabe é que ela precisa de cuidados.

O profissional da saúde, seja ele médico, enfermeiro, técnico ou outro da área da saúde, deve ter esse olhar, essa atitude de alguém que irá cuidar incondicionalmente sem impor condições.

Sabemos que não é simples, afinal, somos seres humanos e temos nossas imperfeições. Por isso, desenvolvemos diversos trabalhos para incentivar que profissionais da saúde possam ter contato com nosso carisma.

#Reconhecer a pessoa de Jesus em cada paciente

Outra passagem bíblica que pode muito nos ajudar nesse processo é a de Mateus 25, 34-40, na qual Jesus ensina que, toda vez que fizermos o bem a alguém necessitado, a um "pequenino", é a Ele que o estaremos fazendo.

"Em verdade eu vos declaro: todas as vezes que fizestes isso a um destes meus irmãos mais pequeninos, foi a mim mesmo que o fizestes" (Mateus 25, 40).

Ter esse entendimento é uma forma de enxergar a face de Cristo em cada paciente. Jesus também não impõe condições, não distingue quem pode ser considerado um pequenino.

Dessa forma, o carisma camiliano nos ensina a ser como Jesus no tratamento aos pacientes, mas também a enxergar o próprio Jesus na pessoa do enfermo, mesmo naquele que normalmente não inspiraria nossa misericórdia e compaixão.

Essas são algumas maneiras pelas quais o carisma camiliano pode ajudar os profissionais da saúde em seu trabalho. Sabemos que não é simples, e requer muita inteligência emocional, além de espiritualidade. 

Se você é profissional da saúde, queremos lhe ajudar ainda mais a exercer sua profissão com mais alegria e amor. Leia mais sobre nosso carisma aqui:


Mais em Saúde
  •  
  •