São CamiloVocação
 
 
 
 

Como viver o carisma Camiliano sendo leigo?

05.02.2021 | 5 minutos de leitura
Vocação
Como viver o carisma Camiliano sendo leigo?

Viver o carisma de uma Ordem ou instituição religiosa significa vivenciar uma maneira específica de ser cristão, de colocar em prática o evangelho de Cristo. Afinal, um carisma nada mais é do que uma tradução do evangelho, uma maneira própria de viver os ensinamentos de Jesus.

Para viver o carisma camiliano não é preciso, necessariamente, ser um irmão ou padre. Mesmo se a sua vocação for o laicato, você pode viver bem o nosso carisma, e neste blogpost você irá descobrir como, confira.

O carisma Camiliano


São Camilo de Lellis, fundador da Ordem Camiliana, entendeu que Deus lhe chamava para praticar os ensinamentos de Jesus por meio do cuidado com os doentes, ao constatar a difícil realidade em que eles se encontravam na sua época.

O Santo decidiu dedicar-se integralmente à causa dos enfermos, mas percebeu que sozinho não conseguiria fazer muito, por isso fundou uma companhia de homens de boa vontade, que também doaram suas vidas para servir a Cristo nas pessoas dos doentes, inspirados nas palavras de Jesus: “Estive enfermo e me visitaste [...] Todas as vezes que fizestes isso ao menor dos meus irmãos, foi a mim que o fizestes". (Mt 25, 36.40). Essa se tornou a Ordem Camiliana.

Existem diferentes maneiras de viver o carisma camiliano, por meio das várias obras ao redor do mundo. Uma delas é sendo um irmão ou um padre camiliano, doando a vida integralmente ao carisma e à missão deixadas por Cristo na pessoa de São Camilo. 

Outra maneira é sendo um leigo, vivendo o nosso carisma dentro dos afazeres e responsabilidades da vida cotidiana.

Leia mais sobre o carisma camiliano aqui:



O chamado dos Leigos


O leigo, por viver dentro das esferas comuns da sociedade, tem o papel de ser luz na escuridão, chegando a lugares onde os padres e religiosos muitas vezes não conseguem chegar.

Os leigos são os cristãos que não receberam as ordens sagradas e vivem o cristianismo em suas próprias casas e na sociedade, conforme o Catecismo da Igreja Católica no parágrafo 898:  

"A vocação própria dos leigos consiste precisamente em procurar o Reino de Deus ocupando-se das realidades temporais e ordenando-as segundo Deus […]. Pertence-lhes, de modo particular, iluminar e orientar todas as realidades temporais a que estão estreitamente ligados, de tal modo que elas sejam realizadas e prosperem constantemente segundo Cristo, para glória do Criador e Redentor."

Viver o carisma no cotidiano

O leigo camiliano é chamado a compartilhar os mesmos ideais de São Camilo vivenciados pelos religiosos. Ou seja, ele deve viver uma vida de amizade pessoal com Jesus Cristo, para ser também um ministro do amor, doando-se, o quanto for possível, aos doentes. Principalmente por meio da Pastoral da Saúde.

Para viver bem o carisma camiliano, é necessário uma escuta assídua da palavra de Deus, participação frequente nos sacramentos da Eucaristia e da reconciliação. Além disso, também deve-se nutrir um grande amor à Virgem Imaculada, à saúde dos enfermos, e refletir continuamente sobre a vida e os escritos de São Camilo.

Para viver o carisma camiliano é preciso estar habituado à prática da caridade, buscando fazer o bem a todos que nos cercam.

Deve-se também aprender a aliar as obrigações do dia a dia, próprias de uma vida comum, às práticas espirituais e os deveres cristãos, como a oração pessoal diária e a vivência dos sacramentos.

Pastoral da Saúde

Uma maneira de pôr em prática o carisma camiliano é por meio da Pastoral da Saúde, que é uma ação evangelizadora da Igreja que busca promover, cuidar, defender e celebrar a vida, por meio dos ensinamentos cristãos dentro do mundo da saúde.

Nas ações da pastoral da saúde leigos e religiosos camilianos unem esforços nas dimensões solidária, comunitária e político institucional.


Família Camiliana Leiga

Uma excelente forma de viver o carisma camiliano como leigo é por meio da Família Camiliana Leiga (FCL), uma associação de leigos, criada para aqueles que sentem o chamado de viver os compromissos do batismo, de acordo com os ensinamentos e o carisma de São Camilo de Lellis.

A FCL busca viver, dentro das possibilidades de uma vivência laical, o carisma camiliano, na prática da caridade, principalmente com os enfermos, conforme afirma sua constituição: 

“Nós nos esforçamos para entender mais intimamente o mistério de Cristo e cultivar amizade pessoal com ele, para que possamos ser ministros do amor de Cristo para o doente. Deste modo se faz evidente em nós aquela fé que em São Camilo se traduzia em caridade, pela qual vemos o Senhor nos enfermos. Nessa presença de Cristo e naqueles que servem em seu nome nós encontramos a fonte da nossa Espiritualidade" (Constituições FCL Nº 13).

Atualmente a FCL está presente em três estados brasileiros e você pode entrar em contato aqui.


O carisma camiliano não está reservado apenas àqueles que optam por seguir o caminho vocacional como irmãos ou padres. Mas os leigos também são convidados a experimentarem a prática da caridade seguindo o exemplo e ensinamentos de São Camilo, dentro de suas casas, trabalho, estudos, e em todos os lugares, assumindo a missão própria do leigo, que é a de ser luz na escuridão.

Conheça mais sobre a Família Leiga nesse Ebook exclusivo: A vocação do Leigo Camiliano

Mais em Vocação
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •